O Retorno do verdadeiro Mortal Kombat!!

Esqueça absolutamente tudo o que você viu no amansado Mortal Kombat vs. DC. Esqueça os “fatalities” bonzinhos dos heróis — os patéticos “heroic brutality” — e os golpes contidos dos participantes do torneio original. O retorno de Mortal Kombat pretende abraçar suas raízes sangrentas, arrancando intestinos, colunas e quebrando ossos sem o menor pudor.

Afinal, se muita gente poderia ficar chocada ao ver alguns dos ícones da DC desprovidos de seus membros, aparentemente não há problema algum em serrar Sub-Zero ao meio, ou ainda retalhar Kunk Lao para, em seguida, explodir cada uma das partes com mísseis teleguiados, certo? Bem, esse é o espírito aqui: é Mortal Kombat, com tudo o que tem direito, e retomando o legado do jogo que iniciou a classificação etária nos games.

De acordo com o criador da série, Ed Boon, o novo Mortal Kombat deve ser uma espécie de sucessor espiritual de Mortal Kombat 2 e Mortal Kombat 3. De fato, além da violência ostensiva, existe uma enormidade de detalhes tremendamente familiar, um verdadeiro bálsamo para fãs mais antigos da série — aquele povo que torceu o nariz para Armageddon e, principalmente, Mortal Kombat vs. DC.

Mas, se por um lado as mecânicas mais precisas estão presente para agradar aos fãs mais “hardcore”, Boon promete também que o jogo será bastante amigável com novatos, apresentando comandos acessíveis e intuitivos, como o novo sistema de combos.

De qualquer forma, é inegável: o ponto alto aqui é sem dúvida o retorno da violência hiperbólica que marcou os primeiros jogos da série. E o melhor? Vísceras e sangue abundante agora em toda a sua glória HD. Vamos aos detalhes.

Uma máquina do tempo

Mortal Kombat não é exatamente retrô. Também não é propriamente uma sequência de Armageddon. No que diz respeito à história — caso alguém preste atenção nisso em MK —, os eventos se passam após Armageddon, é verdade. Entretanto, uma espécie de viagem no tempo trouxe não apenas os personagens consagrados dos dois primeiros títulos, como também diversos cenários.

Existe uma comparação apropriada aqui. Street Fighter IV. Assim como o colosso da Capcom, o novo Mortal Kombat lança mão de novos gráficos, novas possibilidades de jogabilidade, mas sem abandonar o feeling original da franquia. Trocando em miúdos, o game deve trazer um estilo familiar, mas sem parecer datado.

fonte:baixaki

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: